Espaços vazios em centros culturais da cidade

Sem exposições, salas da Usina do Gasômetro e do Santander Cultural estão ociosas

  • Por: Nicolas Chidem (4º semestre) | Foto: Nicolas Chidem (4º semestre) e Nádia Probst (1º semestre) | 07/11/2017 | 0
Salas destinadas a exposições culturais estão sem uso na Capital
Salas destinadas a exposições culturais estão sem uso na Capital

Dois importantes centros culturais de Porto Alegre apresentam espaços de exposição de vagos. Santander Cultural e Usina do Gasômetro estão sem exposições neste final de outubro e início de novembro. A Usina se prepara para a reforma desde o começo do ano e, por ordem da direção, não recebe mais exposições externas em suas galerias desde janeiro deste ano. O Santander está sem exposições desde o polêmico fechamento do Queermuseu, encerrado com cerca de um mês de antecedência em 10 de setembro.

Segundo a assessoria do Santander Cultural, a próxima exposição está programada para 25 de novembro. Até lá, o espaço permanece vazio. A direção da Usina do Gasômetro espera liberar o espaço para as reformas em cerca de 30 dias. Luiz Armando Capra Filho, diretor da Usina, afirma que a reestruturação está prevista para durar cerca de um ano e meio.

Santander cultural fica sem exposições desde o fechamento da Queermuseu
Santander cultural fica sem exposições desde o fechamento da Queermuseu

Enquanto a reforma não começa, os porto-alegrenses ficam sem duas opções de espaços culturais. A Galeria dos Arcos, situada na Usina do Gasômetro, está parcialmente ocupada com a exposição interna sobre os 25 anos da Usina do Papel. A galeria está sem exposições externas desde 13 de novembro de 2016, quando se encerrou a exposição das obras de Diego Passos e Juliano Ventura.

A Galeria Lunara, também na Usina, está fechada desde 8 de janeiro, quando a exposição O Vazio é um Espelho, de Carine Wallauer, se encerrou. As duas galerias pararam de receber exposições por um cronograma seguido pela direção desde que assumiu no começo do ano. Segundo Luiz Armando Capra, a medida foi tomada para garantir a desocupação do espaço. As secretarias vem sendo realocadas para diversos locais. Conforme Capra, o processo é demorado para haver o mínimo de perdas. Apesar de o espaço estar aberto e receber visitantes, o diretor alega que seria impossível ter um cronograma regular de exposições em 2017 por uma questão de organização.

As Galerias Lunara e dos Arcos são espaços dedicados à fotografia e ocupam dependências da Usina do Gasômetro, na Av. Pres. João Goulart, 551, Centro Histórico de Porto Alegre.

Com a falta de um cronograma regular, galerias da Usina do Gasômetro estão fechadas há meses
Com a falta de um cronograma regular, galerias da Usina do Gasômetro estão fechadas há meses