Amostra no Fórum da Liberdade indica preferência por Doria na corrida presidencial de 2018

A maioria dos entrevistados pelo Editorial J acredita que o país melhorou após o impeachment de Dilma Rousseff

  • Por: Italo Bertão Filho (3º semestre) | 12/04/2017 | 0

Quase um ano depois do afastamento da ex-presidente Dilma Rousseff, a trigésima edição do Fórum da Liberdade discutiu o futuro da democracia no país após saída do PT do Palácio do Planalto. O Editorial J realizou uma amostra de opinião com 105 pessoas, que responderam sobre questões como a eleição presidencial de 2018, a definição de democracia e se o Brasil melhorou ou não com a ascensão de Michel Temer à presidência.

Palestrante inaugural do evento, o prefeito de São Paulo, João Doria Junior (PSDB), desponta como favorito para as próximas eleições presidenciais, de acordo com o levantamento. Oitenta por cento dos entrevistados responderam que votariam no tucano se a eleição fosse hoje. Bem abaixo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) surgiu em segundo lugar, com 6,7% dos votos. O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) apareceu empatado em percentual com o total de votos nulos, 4,8%. Completando a lista, o senador Aécio Neves (PSDB) obteria 2,9% e, em último lugar, o presidente Michel Temer (PMDB), com 1%.

João Doria também liderou no índice de chance de vitória entre os entrevistados. Se as eleições ocorrem hoje, 71,4% acredita que o tucano venceria ao pleito. Em segundo lugar, apareceu Lula, com 19%. Completam a lista Bolsonaro (5,7%), Temer (2,9%) e, por último, Aécio (1%).

‘Liberdade’ foi o termo mais usado pelos entrevistados para responder à pergunta “Como você define “democracia” em uma frase?”. ‘Governo’, ‘povo’, ‘democracia’ e ‘igualdade’ também foram palavras recorrentes.

Questionados se o Brasil melhorou ou não após a queda de Dilma Rousseff da presidência, 69,6% dos entrevistados acredita que a situação do país mudou para melhor após a saída da petista. Já 26,6% crê que isso não ocorreu e 3,8% não foi capaz de opinar.

 

A pesquisa foi realizada com 105 pessoas nos dias 10 e 11 de abril no 30º Fórum da Liberdade, realizado no Centro de Eventos da PUCRS, e não tem caráter científico. As perguntas foram realizadas via formulário na plataforma Google Forms, acessados através de iPads distribuídos presencialmente aos entrevistados.

Colaboraram para a pesquisa: Ângelo Menezes Teixeira (3º sem.), Igor Janczura Dreher (3º sem.), João Lucas Goulart (1º sem.) e Ritieli Moura (2° sem.)