O Perfil do Estagiário

Ser jovem hoje em dia não é exatamente uma tarefa fácil. Ao mesmo tempo em que a geração atual vive em busca de diversão, muita coisa é exigida desde cedo. Ainda na adolescência, é preciso decidir a profissão a ser seguida. Muitos jovens ingressam na universidade antes dos 18 anos e logo começam a viver uma vida de gente grande. É na hora de procurar um estágio que descobrem que a brincadeira acabou.
Parte dos universitários vai em busca da primeira experiência de trabalho já no primeiro semestre da graduação. Outros preferem antes adquirir um embasamento teórico ao longo de alguns semestres de aula. Existem, ainda, alguns estudantes cuja área de formação exige um número mínimo de semestres cursados para que seja autorizada a contratação.
O que realmente difere o perfil dos estagiários hoje é na verdade o indivíduo. De acordo com a administradora da Fundação Irmão José Otão (Fijo), Marilda da Rosa, há o tipo de estudante que inicia um estágio e permanece até ser efetivado, enquanto outros desistem logo nos primeiros meses. “É uma falta de preparo pessoal, pois muitas vezes os estudantes não se dão conta das funções que vão exercer, ou da localização de empresa, que pode ser um pouco contramão”, explica. É comum também o abandono de vagas durante o período das férias, quando alguns acadêmicos interessam-se mais por viajar do que se manter no estágio.
A vice-diretora de expansão da ABRH-RS, Simone Kramer, afirma que um grande problema dos jovens hoje é a falta de disposição para executar tarefas do cotidiano corporativo, pois consideram a formação acadêmica uma espécie de defesa contra tarefas desagradáveis. Além disso, a juventude atual nasceu em meio ao ritmo acelerado que rege o mercado, o que faz com que a velocidade dos acontecimentos seja uma das prioridades na vida de cada um.

Texto: Ingrid Flores (6º semestre)

Confira ainda:
Presença de jovens reflete no ofício de trabalhadores experientes
Solidariedade contribui para a formação profissional

4 comentários

  • […] O Perfil do Estagiário Presença de jovens reflete no ofício de trabalhadores experientes Solidariedade contribui para a formação profissional Facebook […]

  • […] O Perfil do Estagiário Solidariedade contribui para a formação profissional Facebook […]

  • […] ainda: O Perfil do Estagiário Presença de jovens reflete no ofício de trabalhadores experientes […]

    • Afrizal
      0:52

      Td comee7ou qdo minha filha Maysa resolveu rzaliear o grande sonho de ser mae pela primeira vez. No comee7o td era festa,o pre9 natal foi tranquilo,cada pee7a do enxoval foi escolhido com muito carinho! Toda familia estava radiante com a chegada da pequena LETHYCIA. c9 chedado o dia;(16/04/2011). Minha filha deu entrada no Hspital e Mternidade de Nova Odessa,ate9 ai td corria mto bem!Mas o pior estava por vir;uma me9dica (nao contratada do hospital)estava cobrindo folga de um colega e pra infelicidade da minha filha,essa me9dica foi quem realizou o parto.E nao sabiamos qb4pra ela trazer minha neta ao mundo precisaria destruir a vida da minha filha.Ela mutilou as partes intimas da minha filha,ela cortou uma arteria da minha filha,onde ela veio a precisar de 4 bolsas de sangue.Uma outra me9dica q foi chamada para prestar socorro percebeu o erro e estancou a hemorrogia interna.E grae7as a essa outra me9dica a Maysa ainda esta entre nf3s.Enqto a Maysa permaneceu no hospital de nova odessa o estado dela era cada vez pior,ela apodrecia a cada dia, e grae7as a Deus nao atingiu a musculatura pq ai nao teria mais jeito! Os medicos q prestaram socorro a ela em outro hospital,numa outra cidade nao acreditavam no q estavam vendo. Na epf3ca o delegado de nova odessa nao quis registrar o B.O,enqto nao nao soubesse o resultado da sindicancia interna,mas como eu acreditava em negligencia medica e sabia q era direito meu;eu procurei a delegacia da mulher em americana e o fiz.No dia 09/08/2011 ela passou por uma perineoplastia,mas nao deu mto certo pq falta carne para dar pontos,teremos q esperar uns 6 meses para ver se nasce carne e assim fazer uma nova cirurgia.OQ ERA PARA SER UM SONHO, TORNOU-SE UM PESADELO PARA TODOS Nd3S! Enqto q a medica,exerce a profissao normalmente;como se fosse normal isso acontecer todos os dias. No dia de hj 17/09/2011,ja passado 5 meses;o estado da minha filha ainda e9 critico pois ela nao tem podido corresponder ao papel de esposa,de 10 em 10 minutos ela tem q fazer lavagem pois tem um mau cheiro q nem msm ela suporta. Isso td causo trauma pra ela e para mim q sou mae. Na e9poca,acionei a imprensa,e com isso o diretor do hospital me pediu para parar com o barulho antes q o caso da Maysa ficasse ainda pior,como se fosse possivel ficar pior d q estava! A me9dica q a salvou pediu q nao entrassemos na justie7a,pois teria q ficar contra nf3s por fazer parte do quadro de funcionarios do hospital,mas ainda q eu estivesse mto grata a ela,o meu amor de mae ainda seria maior d q o gratidao q sentia por ela naquele momento;como mulher me coloquei no lugar da Maysa, e como mae nao poderia deixar impune os culpados por esse drama q minha filha esta vivendo.Temos laudos,fotos q justifiquem minha denuncia,agora terao q provar se realmente sao inocentes como vem dizendo. Quero justie7a e condie7oes de vida melhor para minha filha poder suportar ate9 q possa rzaliear uma cirurgia e reconstruir as partes intimas. ATENCIOSAMENTE. SILMARA APARECIDA SAVERIO NOVA ODESSA 17/09/2011.

Deixe um comentário